12 dicas valiosas de como anunciar apartamento para alugar

12 dicas valiosas de como anunciar apartamento para alugar

A busca por um imóvel na internet, para alugar ou para vender, é uma prática bem comum e o que não faltam são canais que possibilitam uma procura cada vez mais segura e satisfatória. Por isso, tanto os donos de imobiliárias quanto os corretores precisam ficar atentos às exigências e conhecer as melhores práticas de como anunciar apartamentos para alugar.

De fato, a internet é uma ferramenta valiosa, tanto para quem busca um imóvel quanto para as imobiliárias e corretores. Não é melhor para o cliente conhecer a casa ou o apartamento que interessa por meio de fotos detalhadas e descrições, antes de se deslocar até o imóvel?

Daí a importância de fazer o anúncio e caprichar em todos os detalhes possíveis. Quando o corretor convence o cliente a visitar o local, é porque ele já está 50% interessado, um bom sinal para uma negociação positiva.

Continue conosco e confira algumas dicas de como anunciar apartamento para alugar. Acompanhe!

1. Produza fotos e vídeos de boa qualidade

As imagens são essenciais para expor com exatidão o imóvel que está à venda ou para alugar. Na verdade, é o que fará com que o cliente se interesse ou não pela propriedade. Portanto, capriche e aproveite esse recurso, principalmente, se o local contribuir para isso.

Lembrando que as fotos devem ser de excelente qualidade e de alta resolução, precisam ser claras e muito bem focadas para que não haja dúvidas sobre as características dele. Imagens que contam com o recurso de 360º são excelentes, pois possibilitam que o cliente tenha uma visão geral do espaço.

Mas não se esqueça dos seguintes detalhes:

  • decore muito bem o ambiente que deseja alugar ou vender;
  • fotografe o apartamento em dias de sol para que o local seja favorecido pela luminosidade;
  • mostre todos os cômodos da residência;
  • cuide para que esteja tudo muito limpo e organizado.

Vale lembrar que o propósito das fotos e vídeos é a valorização do imóvel, por isso, ele deve estar bem decorado e impecavelmente limpo e organizado para conquistar o cliente.

2. Descreva o imóvel de forma objetiva e completa

Uma estratégia de conteúdo para prender a atenção do visitante no seu site depende muito da forma como ela foi elaborada — da descrição do imóvel. Por isso, abuse da originalidade para captar clientes com dicas, como:

  • evite textos longos: tomar o tempo de um cliente em potencial com informações desnecessárias pode cansá-lo e fazer com que ele busque outro site ou página;
  • introduza no conteúdo informações relevantes: mas fique atento, pois apesar de textos grandes serem enfadonhos, omitir informações importantes pode comprometer a imagem do vendedor e local;
  • dê informações completas: no entanto, detenha-se ao que é necessário para o cliente;
  • descreva o imóvel usando a criatividade: por exemplo, destaque os aspectos importantes e que valorizam o local, como um farto comércio, vizinhança tranquila, segurança, facilidade de transporte, entre outros;
  • aborde sobre a valorização do local, as formas de negociação, valor do condomínio, entre outros fatores que muito interessam a quem deseja alugar um imóvel.

3. Utilize uma linguagem clara objetiva

Ao descrever o imóvel, seja por redes sociais, seja em portal imobiliário ou mesmo por e-mail, é imprescindível que haja clareza e objetividade nas informações. Isso porque uma simples dúvida pode desinteressar o cliente e fazer com que ele busque outras unidades.

Afinal, geralmente, na busca pelo imóvel ideal, as pessoas têm pressa e qualquer interpretação equivocada pode levar à desistência. Tendo em vista que não faltam imóveis para alugar e vender no mercado, manter as informações alinhadas e o cliente informado sobre tudo é essencial para garantir transparência.

Dito isso, evite ser vago nas informações. Ao descrever o tamanho, por exemplo, coloque a metragem do cômodo, não use referências vagas, como espaçoso, grande e amplo. O cliente quer detalhes — eles podem encaminhar a negociação para um desfecho mais rápido.

 4. Aponte os diferenciais do imóvel para chamar atenção

Da mesma forma que informações em demasia cansam o cliente, dados escassos tendem a desencantá-lo. Para evitar que as pessoas ignorem o seu produto, insira informações relevantes que podem ser grandes atrativos e diferenciais.

Chame atenção para os pontos positivos do imóvel. Exemplo disso é o valor do condomínio (se ele for menor, quando comparado aos outros da região), metragem do imóvel, quantidade de opções na área de lazer, sistemas modernos de segurança adotados, entre outros. Essas características, certamente, chamam a atenção e podem ser bons diferenciais.

5. Divulgue os imóveis nas redes sociais

Após publicar seu anúncio, divulgue-o em seus perfis. Se for uma imobiliária, coloque nas suas diversas páginas de redes sociais. Da mesma forma, isso se aplica a corretor de imóveis, afinal, quanto maior a divulgação mais visibilidade o seu imóvel terá para os clientes.

A imagem do anúncio do imóvel no Facebook, como dito, deve ter uma excelente qualidade e ser atrativa. Precisa transmitir todo o potencial inerente à propriedade, a ponto de convencer o interessado a, no mínimo, ir visitá-la. Ser criterioso na escolha das fotos é fundamental!

ofertas mitre

6. Ofereça um valor justo ao anunciar apartamentos para alugar

De nada adianta um imóvel com todas as características que atraiam cliente se o preço praticado não for compatível com o mercado. A primeira coisa a fazer na hora de definir o valor do aluguel ou da venda é comparar com outros anúncios de imóveis do mesmo nível.

Leve em conta o preço do IPTU e do condomínio, pois esses fatores oneram bastante o orçamento dos locatários. Além disso, considere suas necessidades. Nem sempre valores justos são cobrados, em alguns casos, vale a pena baixar um pouco o preço e sair na frente na hora de alugar.

7. Esteja aberto a negociações

O bom inquilino é aquele que paga o aluguel e o condomínio em dia e escolher bem o seu evita problemas com a inadimplência — tão comum no mercado imobiliário. Diante disso, quando surgir um interessado, é essencial uma boa análise de sua ficha cadastral e, se ela for aprovada, esteja aberto à negociação.

Em alguns casos, conceder algumas vantagens para um provável bom pagador, como descontos referentes a reparos no imóvel, pode garantir um negócio mais tranquilo, sem percalços.

8. Retorne os contatos com rapidez

Uma simples demora ao dar o retorno a um contato pode custar a você uma boa negociação. É necessário que se tenha em mente que, em tempos de internet, todos têm muita pressa, mesmo porque, tudo ocorre de forma acelerada.

O que antes demorava muito, visto que dependia de muitos passos, hoje, é rápido demais. Para você ter uma ideia, por meio dos portais imobiliários, tem-se uma noção exata sobre o imóvel anunciado, com fotos, vídeos e descrições completas. Quando as pessoas partem para a visita física, já estão quase finalizando o negócio.

Agindo dessa forma, por meio de um atendimento rápido e eficiente, você transmitirá ao cliente respeito, confiança e credibilidade.

9. Trace um perfil do locatário

Ter um perfil predefinido do locatário pode contribuir para negociações mais direcionadas. Se o público-alvo for de pessoas solteiras, jovens e universitárias, por exemplo, pensar em investir em benfeitorias para atingir esses clientes é uma boa estratégia. Ou seja, se você tiver uma persona definida, facilitará até ao escolher os sites e redes sociais para os anúncios.

Tenha em mente que, diferentemente, de quem compra, quem aluga um imóvel não quer gastar com reformas e benfeitorias. Assim, assegurar que o bem esteja ajustado com as melhorias que atendam ao perfil pode garantir boas negociações.

10. Conheça o provável inquilino

Conhecer muito bem os interessados pelo imóvel garante, certamente, uma negociação mais rápida. Para isso, uma boa dica é que, durante as visitas, você aproveite para tirar quaisquer dúvidas que o provável inquilino tenha sobre a unidade. No entanto, é importante aproveitar esse contato para conversar, conhecer as principais necessidades e expectativas quanto ao imóvel pretendido.

11. Utilize plataformas de vendas e aluguel de imóveis online

Essas ferramentas são muito utilizadas por quem deseja vender ou alugar imóveis. Os portais imobiliários de compra, venda e aluguel de imóveis beneficiam os clientes, pois oferecem recursos que minimizam o tempo de procura de uma propriedade.

Ao mesmo tempo, para imobiliárias e corretores, o serviço disponibiliza um espaço para postar fotos e vídeos, bem como uma descrição detalhada sobre a casa ou apartamento em questão.

12. Seja flexível

Quanto mais exigente e inflexível for a imobiliária ou o corretor de imóveis com seu cliente, mais dificuldades haverá na negociação. Fazer concessões, muitas vezes, pode significar uma boa estratégia para garantir um bom negócio.

Então, esteja aberto a conversas, seja em relação a prazos, seja sobre garantias e outras questões. Estude bem o cliente, muitas vezes, vale a pena ceder um pouco!

Siga nossas dicas de como anunciar apartamento para alugar e aproveite todos os benefícios de anunciar em um portal imobiliário. Afinal, a propaganda é a alma de qualquer negócio e, se for bem-feita, pode trazer resultados surpreendentes.

Como você conferiu neste post, é possível, por meio de um anúncio completo, bem elaborado e algumas outras ações, atrair aquele cliente ideal. O que acha de entrar em contato conosco e conhecer o nosso trabalho? Esperamos a sua visita!

Fique por dentro do Mercado Imobiliário! Receba conteúdos gratuitamente.

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

1 Comentário

  1. Ótimas dicas para quem quer tirar o melhor proveito na hora de anunciar seu espaço. Gostei muito!

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.