4 cuidados ao oferecer a opção de aluguel garantido pela imobiliária

4 cuidados ao oferecer a opção de aluguel garantido pela imobiliária

O mercado imobiliário tem sempre muitos desafios nesse setor tão competitivo. Em períodos de crise, principalmente, quando a inadimplência é comum, algumas soluções podem garantir negociações mais rápidas, como é o caso do aluguel garantido.

Nas transações de locação de imóvel é de extremo interesse, tanto da imobiliária quanto do proprietário, que as mensalidades sejam pagas em dia. É aí que entra a garantia locatícia, que pode ser realizada de várias formas.

Neste artigo, vamos explicar o que é aluguel garantido e os cuidados que a imobiliária deve tomar ao adotar esse método. Confira!

O que é aluguel garantido?

O aluguel garantido é um tipo de locação utilizado por algumas imobiliárias, com o objetivo de evitar a inadimplência. Ao adotá-lo, é possível garantir que o aluguel será pago em dia — mesmo que o locatário não tenha efetuado o pagamento e seja, por isso, um inadimplente.

Diante disso, muitos proprietários de imóveis tem preferido essa estratégia junto a corretores e imobiliárias. Ou seja, veem nesse método uma forma de se protegerem, fugindo da burocracia, ao longo do contrato. Quando o locador opta pelo aluguel garantido, ele paga a mais à imobiliária.

Por isso, existe a relação entre locador e locatário — tendo em vista que a imobiliária representa o proprietário. No entanto, é a imobiliária que garante o valor ao proprietário, se houver inadimplência. Caso a imobiliária queira renegociar o valor do aluguel com o inquilino, ela tem total liberdade para isso, podendo, inclusive, reduzir o valor em até 30%, por exemplo.

Como funciona?

O inquilino, como qualquer um de nós, está suscetível a passar por imprevistos financeiros. Muitas vezes, quando isso ocorre, ele fica impossibilitado de honrar a dívida do aluguel. Diante disso, criou-se o aluguel garantido. O método funciona de forma que, caso o inquilino atrase o pagamento da mensalidade, a imobiliária aciona a garantia que, automaticamente, adiantará o valor da prestação ao proprietário.

Este, por sua vez, não será prejudicado pela inadimplência. No entanto, em alguns tipos de contrato, a garantia servirá também para cobrir outras despesas que, por acaso, o inquilino deixe de honrar. São encargos referentes à taxa condominial, ao valor do IPTU, taxa de incêndio, entre outras com as quais o locatário tenha se comprometido a pagar.

Quais os cuidados que a imobiliária deve tomar com o aluguel garantido?

O aluguel garantido é um método que visa proteger o proprietário contra possíveis inadimplências. Contudo, claro que não é bom para a saúde financeira de uma imobiliária colocar essa ajuda em prática, com frequência. Diante disso, são necessários alguns cuidados que visam a proteção da imobiliária. Veja os principais!

1. Escolher bem o inquilino

É essencial que a imobiliária tenha muitas informações sobre o futuro inquilino. Portanto, é imprescindível que ela cheque a veracidade de todos os dados fornecidos, como referências, análise de crédito e comprovante de renda, bem como ter acesso a toda a documentação do interessado pelo aluguel.

2. Manter um bom controle financeiro

Garantir um bom controle financeiro é uma medida necessária para qualquer imobiliária, e com as que trabalham com o aluguel garantido isso deve ser potencializado. Diante disso, uma boa solução é manter o fluxo de caixa otimizado — o que vai evitar despesas desnecessárias.

3. Elaborar um contrato claro

O contrato exige muito cuidado e clareza. Algumas cláusulas merecem bastante atenção, como: por quantos meses o aluguel garantido pagará os atrasos do inquilino e as medidas que serão tomadas, caso o locatário ultrapasse o limite do tempo coberto. Dessa forma, a imobiliária evita que o prazo seja infinito, o que pode gerar altos custos para o seu negócio.

4. Explicar tudo para o cliente

Por mais que o contrato tenha sido elaborado de forma clara e transparente, ainda assim, é preciso explicar tudo para o cliente e ter a certeza de que ele realmente entendeu as disposições. O locador deve estar ciente sobre os termos e condições constantes no processo de locação.

Quais os benefícios do aluguel garantido para imobiliária e corretores?

Mesmo que a imobiliária corra riscos com algumas inadimplências, ainda assim, isso gera alguns benefícios. Confira!

Conquista mais clientes

O maior benefício desse método, que é bem óbvio, é não haver risco da inadimplência do inquilino. Diante disso, um número significativo de proprietários deixará o imóvel nas suas mãos. Afinal, quem não confiará em uma imobiliária que oferece esse tipo de garantia?

Recupera os valores

Apesar de a imobiliária ter que arcar com os gastos da inadimplência, ela acaba recebendo as taxas e multas por conta dos pagamentos em atraso — recuperando os valores perdidos e, em alguns casos, beneficiando-se por isso.

Reduz o número de inadimplência

As penalidades impostas pela imobiliária diante da falta de pagamento, constantes no contrato, acabam por reduzir o número de inquilinos que deixam de pagar seus aluguéis, garantindo mais segurança ao negócio

Quais são os outros tipos de garantia para proprietário e imobiliária?

Outras garantias, porém, existem para oferecer mais segurança, em relação ao recebimento do aluguel — tanto para as imobiliárias como para os proprietários. Confira!

Fiador

O locatário indica alguém que se responsabilize pelas parcelas de aluguel que, eventualmente, não possa pagar. Na maioria dos casos, esse fiador precisa ser proprietário de algum imóvel localizado na mesma cidade do imóvel alugado.

Depósito caução

É, talvez, o mais popular, pois o locatário não depende de alguém para ser fiador. Ao optar por essa modalidade, o locatário deverá depositar uma quantia pré-definida no valor do aluguel. O valor é depositado e se manterá à disposição, caso haja necessidade.

Seguro fiança

Nessa modalidade, o locatário contratará os serviços de uma seguradora, que se tornará responsável pelos pagamentos, caso o inquilino não pague o aluguel. Para isso, é necessário que o locatário pague uma taxa, com opções de parcelamento.

Como você conferiu neste conteúdo, o aluguel garantido é uma opção que, se for utilizada com os devidos cuidados, oferece vantagens, tanto para a imobiliária como para o proprietário do imóvel.

Gostou deste post? Assine, então, nossa newsletter e garanta o recebimento, na sua caixa de entrada, de outros artigos interessantes como este!

Fique por dentro do Mercado Imobiliário! Receba conteúdos gratuitamente.

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

1 Comentário

  1. Ótimo conteúdo. É algo que pode atrair muitos clientes, para também pode trazer prejuízos, se a Imobiliária não se atentar a todos os detalhes

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.