6 erros que um corretor de imóveis deve evitar ao tratar um cliente

6 erros que um corretor de imóveis deve evitar ao tratar um cliente

Hoje, mais do que nunca, o consumidor é mais antenado e exige em qualquer setor, seja de serviços ou de produtos, um atendimento de excelência. Diante disso, o profissional de corretagem deve ficar atento a esse novo cliente, que busca ser muito bem atendido desde o primeiro contato. Mas, será que você sabe os principais erros do corretor de imóveis em relação a esse novo prospect?

De fato, a fidelização de um cliente depende desse posicionamento do corretor, mas para isso ele deve evitar alguns deslizes bastante recorrentes nessa profissão, como não se atualizar acerca dos imóveis que comercializa, não dar retorno, não estar disponível, entre outros.

Neste artigo, você vai saber como não errar mais na sua profissão ou, pelo menos, evitar algumas manias que desagradam bastante os clientes a ponto de eles buscarem outro profissional. Continue a leitura e veja!

1. Não saber ouvir

Saber ouvir é uma grande qualidade pessoal que deve ser bem treinada, principalmente se você é um corretor de imóveis. Afinal, você terá que ouvir seu cliente, muito, desde o primeiro contato. Terá que saber o que ele realmente deseja para, assim, conduzir a venda ou o aluguel de um imóvel de forma que obtenha uma conclusão positiva.

Ao mesmo tempo, o bom corretor deve falar o necessário fazendo perguntas pertinentes — que tenham a ver com a venda. Dessa forma, saberá tudo que o cliente deseja tornando bem mais fácil e simples o seu trabalho.

2. Não estar disponível

Quem busca um imóvel, seja para comprar ou alugar, quer agilidade nesse processo e solucionar essa questão o mais rápido possível. Na verdade, perde-se muito tempo nas visitas aos imóveis. Por isso, o cliente precisa que você, corretor de imóveis, esteja sempre disponível quando precisar ou, pelo menos, dê um retorno o mais rápido que puder.

Em razão disso, é indicado que o corretor tenha vários canais para que sempre que o cliente precisar possa contar o mais breve possível com uma resposta. Podem ser: e-mail, WhatsApp, telefone e chat. Assim você não correrá o risco de perder seu cliente por ele não ter recebido a atenção que gostaria.

3. Pressionar demais

Existem corretores que, na ânsia de fechar rapidamente um negócio, pressionam seus clientes. Essa prática é bem comum, mas é altamente prejudicial na profissão, visto que muito percebem — e a tendência é que busquem outro profissional.

Controlar esse impulso é essencial para não afugentar aquele cliente em potencial que, justificadamente, não quer apressar essa decisão tão importante que é a locação ou a compra da casa própria.

Sendo assim, evitar ser inconveniente é uma regra. Não fique a todo momento ligando ou enviando vários e-mails. Isso é inadequado também na corretagem de imóveis. Entre em contato apenas quando houver necessidade e atenda a seus chamados prontamente para sanar suas dúvidas — será o suficiente para um atendimento de qualidade.

4. Tratar clientes como números

Tratar o cliente com singularidade é essencial para que ele se sinta respeitado nos seus anseios. Alugar um imóvel é uma decisão importante e comprar a casa própria mais ainda — visto que se trata de um grande investimento e, muitas vezes, a realização do sonho de uma vida.

ofertas mitre

Dito Isso, é importante que nesse momento significativo na vida dessas pessoas, elas não sejam tratadas como números, pois não os são. Tenha em mente que cada um tem suas necessidades e particularidades que os diferem dos outros e, por isso, o atendimento deve ser individualizado — com atenção aos seus desejos.

Agindo assim, você, corretor de imóveis, tem chances bem melhores de fechar mais negócios e ser bem-visto por seus clientes que vão lhe fidelizar, indicando-o para outros prospects.

5. Não estar atualizado acerca dos imóveis

Encontrar pela frente aquele corretor que sabe tudo sobre o imóvel pelo qual o cliente está interessado é tudo que este quer. Informar-se sobre todas as características das unidades possibilita ao corretor esclarecer toda e qualquer dúvida e, assim, causar uma excelente impressão.

O profissional de corretagem deve ter em mente que saber sobre os benefícios e vantagens de um imóvel pode também direcioná-lo para o cliente certo — isso é bom para você, corretor, e para quem deseja fazer o negócio.

Saber sobre esses dados quer dizer que você é interessado e comprometido com o que faz e deseja oferecer um atendimento de qualidade. Além disso, ter detalhes sobre as unidades, que estão à venda ou para alugar, agiliza o processo e faz o cliente descartar de uma vez ou se direcionar para o fechamento do negócio.

Aliás, ter conhecimento sobre assuntos correlatos e que não se limitem aos imóveis pode ser também bem interessante para a bagagem profissional do corretor — como estar atualizado sobre as altas e baixas do mercado imobiliário, além de outros conhecimentos sobre o direito do consumidor, por exemplo.

É importante também que você seja natural e fluente no que vai explanar, evitando ações mecânicas, como informações decoradas. Esteja seguro nas informações que vai passar, tenha autoridade no assunto, será o bastante para demonstrar comprometimento com a sua profissão.

6. Não solicitar indicações

Esse erro pode custar muitos prospects. Afinal, todos nós conhecemos alguém que queira alugar ou comprar um imóvel. A propaganda boca a boca nesse negócio é muito importante — principalmente se você foi um bom corretor para aquele cliente que indicará outro em potencial.

Por isso, manter uma relação amistosa com seu cliente durante e depois da negociação, pode ser muito vantajoso em termos profissionais. Por meio dele, você pode chegar a outros, e o melhor, com uma boa imagem, visto que se ele lhe indicou deve ter gostado de seu trabalho.

Como você conferiu neste artigo, o consumidor está cada vez mais exigente quanto ao atendimento e, se você quer sucesso nessa profissão de corretor de imóveis, é por esse caminho que chegará lá. Por isso, siga nossas dicas e, certamente, colherá bons frutos!

Gostou deste post? Leia, então, outro artigo igualmente relevante que fala sobre esse novo consumidor mais exigente quanto ao atendimento. Conheça o consumidor 4.0!

Fique por dentro do Mercado Imobiliário! Receba conteúdos gratuitamente.

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

2 Comentários

  1. Há 110 dias procuro alugar Kitnet nenhum corretor imobiliária portal de classificados deu atenção nem respondem nem dão atenção mandam qq coisa na Moving até hoje qdo procuro Kitnet no Flamengo vem o mesmo anúncio nunca foi respondido

  2. Acho bom todo tipo de aprendizado nesta área, mas nem todo cliente é igual, muitos visitam os imóveis e depois não respondem mensagens de retorno nem atendem sua ligação, querem imóveis baratos em regiões muito boas, sem entrada, de preferencia com parcelamento da entrada e sempre colocando defeito nos imóveis.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.