Eztec amplia lançamentos imobiliários no primeiro trimestre do ano

Eztec amplia lançamentos imobiliários no primeiro trimestre do ano

São Paulo, 21/03/2019 – A Eztec vai encerrar o primeiro trimestre com lançamentos que totalizam R$ 396 milhões em valor geral de vendas (VGV). O montante corresponde a 26,4% do topo da meta da incorporadora para 2019, que vai de R$ 1 bilhão a R$ 1,5 bilhão.

“Começamos os meses de janeiro e fevereiro com ritmo forte de lançamentos e vendas, assim como o que foi visto no fim de 2018”, afirmou o diretor financeiro e de relações com investidores, Emílio Fugazza, em entrevista ao Broadcast, reiterando a visão positiva para o mercado imobiliário no ano.

 

O montante de R$ 396 milhões corresponde a três lançamentos e compra de participação em outro empreendimento neste trimestre. Entre os projetos lançados está o Le Jardin, prédio de alto padrão em Moema, composto por 22 apartamentos e VGV de R$ 72 milhões, sendo que 25% já foi vendido. Outro foi o Vertz Vila Mascote, prédio de médio alto padrão com 168 unidades e VGV de R$ 100 milhões, sendo 68% já vendido.

 

O terceiro projeto está sendo lançado neste momento: é o Fit Casa Rio Bonito, na região da Represa Guarapiranga, com 560 unidades e VGV de R$ 140 milhões. Metade das unidades serão enquadradas no Minha Casa Minha Vida (MCMV) e a outra metade será financiada pelas linhas bancárias da caderneta de poupança. Esta é a primeira fase de um projeto mais amplo, que se tornará um mini bairro, com 4 mil apartamentos a serem lançados até 2025, em moldes semelhantes a outros projetos de grande porte da Eztec, como o Cidade Maia (Guarulhos) e o Jardins do Brasil (Osasco).

 

Fugazza afirmou ainda que a incorporadora conta com R$ 1,5 bilhão em projetos com licenças já emitidas, o que dá tranquilidade para a empresa chegar à meta prevista para 2019. “Os lançamentos estão por conta do nosso departamento comercial”, disse. Entre os próximos grandes empreendimentos está o Parque da Cidade, com lançamento previsto para junho. O projeto foi adquirido da Odebrecht Residencial (OR) e tem mais de R$ 500 milhões em VGV.

 

Balanço – A Eztec registrou lucro líquido de R$ 43,541 milhões no quarto trimestre de 2018, alta de 72% em relação ao mesmo período de 2017. Este foi o maior lucro trimestral recorrente desde 2016. O resultado também ficou 9,2% acima da média das projeções de seis bancos (Bradesco BBI, BTG Pactual, Credit Suisse, Itaú BBA, JPMorgan, e Santander), que apontava para lucro de R$ 39,8 milhões. Já no acumulado de 2018, porém, o lucro líquido totalizou R$ 97,541 milhões, montante 72,8% menor do que no ano anterior.

 

A receita líquida atingiu R$ 144,475 milhões no trimestre, crescimento de 69%, enquanto no ano a receita chegou a R$ 390,762 milhões, baixa de 60%. O resultado financeiro líquido foi positivo em R$ 30,673 milhões no trimestre, alta de 20,7%, enquanto no ano foi positivo em R$ 109,489 milhões, elevação de 62,2%.

 

O crescimento do lucro da Eztec no quarto trimestre é uma consequência da retomada dos lançamentos e das vendas, levando a um aumento da receita, com diluição de custos e melhora das margens. (Circe Bonatelli)

Fique por dentro do Mercado Imobiliário! Receba conteúdos gratuitamente.

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.