EZTEC tem expectativa de crescimento mais acentuado em 2018, diz diretor

São Paulo, 10/11/2017 – A Eztec planeja acelerar os negócios em 2018, com a expansão dos lançamentos e o início da construção do seu novo empreendimento corporativo, antecipou o diretor Financeiro e de Relações com Investidores, Emílio Fugazza.

“Para o ano que vem, a expectativa é de um crescimento mais acentuado, pois consideramos que estamos obtendo sucesso nas vendas do últimos lançamentos”, disse Fugazza, em entrevista ao Broadcast. Os três empreendimentos lançados neste ano já tiveram 38% de vendas, um nível considerado saudável pelo executivo. “Isso mostra que há demanda”, avaliou.

A previsão é que a Eztec terminará 2017 com lançamentos somando R$ 350 milhões em valor geral de vendas (VGV). Embora não seja muito em termos absolutos, frente ao histórico da companhia, já representa um avanço de 50% em comparação com 2016.

Entre os lançamentos estimados para o próximo ano estão dois projetos enquadrados no Minha Casa Minha Vida (MCMV). O objetivo não é aprofundar a atuação dentro do programa, mas aproveitar terrenos que já tinham sinergias com esse perfil de habitação popular, onde a demanda está mais aquecida. O foco, entretanto, continuará nos projetos destinados à população de média-alta e alta renda.

Outra via de crescimento prevista para 2018 será a compra de participação em projetos que já estão em andamento, preferencialmente naqueles onde a companhia é sócia. “Essa é uma iniciativa que já fazemos e achamos que dá para acentuar”, comentou.

Fugazza explicou também que o colchão de liquidez gerado pela venda da torre B do empreendimento EZ Towers por R$ 650 milhões no último trimestre dará tranquilidade para a companhia olhar e participar de negócios relevantes na região metropolitana de São Paulo, foco de sua atuação. Com a venda, a incorporadora chegou à posição líquida de caixa de R$ 833,5 milhões ao fim de setembro, ante R$ 292,9 milhões no fim de junho.

“O dinheiro remunerado a CDI tem, hoje, menos atratividade do que nos últimos anos. Se não encontrarmos um destino operacional para esses recursos, o conselho provavelmente vai direcionar para a remuneração dos acionistas. Isso ainda será decidido”, esclareceu.

Em 2018, a Eztec também planeja iniciar seu novo empreendimento corporativo Triple A, que será composto por duas torres, no terreno localizado em frente às EZ Towers, no prolongamento do Avenida Chucri Zaidan, zona sul da capital paulista. A expectativa é de entrega por volta de 2021. Mais detalhes serão anunciados na reunião pública com investidores que ocorrerá em dezembro.

“A intenção é que se inicie a construção e a comercialização ano que vem”, contou Fugazza. “Estamos em fase de aprovação das licenças e fim da descontaminação do terreno.” (Circe Bonatellicirce.bonatelli@estadao.com)

Fique por dentro do Mercado Imobiliário! Receba conteúdos gratuitamente.

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.