Plenário do senado aprova destaques e projeto de distrato retornará à câmara dos deputados

Financiamento imobiliário com Poupança e FGTS soma R$ 101 BI em 2017, queda de 12,2%

São Paulo, 30/01/2018 – Os financiamentos imobiliários com recursos da poupança (SBPE) e do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) totalizaram R$ 101 bilhões no ano passado, montante 12,2% menor do que o registrado em 2016, de R$ 115 bilhões, de acordo com dados da Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip). Foram financiados, conforme a entidade, 175,62 mil imóveis nas modalidades de aquisição e construção no exercício passado, número 12,1% inferior ao registrado 12 meses antes, quando o setor financiou 199,69 mil unidades.

Do volume total financiado em 2017, a linha com recursos da poupança somou R$ 43 bilhões, declínio de 7,4% ante 2016. Já a modalidade FGTS foi a R$ 58 bilhões, recuo de 15,5%, na mesma base de comparação.

No mês de dezembro, os financiamentos imobiliários somaram R$ 3,68 bilhões, conforme a Abecip, baixa de 31,6% ante o mesmo mês de 2016. Na comparação com novembro, porém, houve alta de 17%. O número de imóveis financiados foi a 14,6 mil unidades no último mês de 2017, queda de 28,7% e aumento de 8,2%, respectivamente.

O presidente da Abecip, Gilberto Abreu, diz que o cenário de juros menores e com tendência de queda e inflação sob controle são positivos para o segmento. No que tange ao preço, Abreu destacou que o mercado imobiliário sofreu, mas que há um início de inflexão “sutil” no setor. “Esperamos que os preços retomem, ao menos em termos nominais, para acompanhar a inflação”, destacou ele, em conversa com a imprensa, nesta manhã.

Abreu reforçou ainda a queda dos distratos que, segundo ele, mostra o “fim de um ciclo”. Sobre a poupança, que ele classifica como a “gasolina” do mercado de financiamento imobiliário, ele disse que a expectativa é de entrada de recursos nas cadernetas em 2018, assim como já ocorreu no ano passado em meio ao cenário de queda dos juros, o que torna esse veículo interessante para as pessoas. (Aline Bronzatialine.bronzati@estadao.com)

Fique por dentro do Mercado Imobiliário! Receba conteúdos gratuitamente.

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.