Setor da construção aguarda novo Minha Casa Minha Vida para fim de maio

Setor da construção aguarda novo Minha Casa Minha Vida para fim de maio

São Paulo, 23/04/2020 – O presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), José Carlos Martins, reiterou a expectativa de que a versão reformulada do Minha Casa Minha Vida (MCMV) seja anunciada pelo governo federal por volta do fim de maio e que o maior atrativo será a redução nas taxas de juros.

No fim de março, o Secretário Nacional de Habitação do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), Alfredo dos Santos, disse que a pasta pretende deixar o novo programa pronto, de modo que o anúncio possa ser feito após o arrefecimento da pandemia de coronavírus.

“Esperamos ter algo a respeito perto do fim de maio”, estimou há pouco Martins, durante conferência online com jornalistas. “Dá para entregar ao comprador um juro menor, com melhor acesso das famílias aos recursos e diminuir a necessidade de subsídio para uma grande leva dos compradores”, complementou.

O governo federal estuda reduzir as taxas de juros do MCMV, conforme já foi noticiado pelo Broadcast. Empresários do setor propuseram que a versão reformulada do programa ofereça crédito com taxas entre 4% a 6% ao ano nas faixas 1,5, 2 e 3, ante a regra vigente, de 5,5% a 8,16% ao ano. Mas a governo deve adotar um corte mais enxuto, que fique em torno de 0,5 ponto porcentual a 0,75 ponto porcentual, segundo fontes. (Circe Bonatelli, da Agência Estado)

Fique por dentro do Mercado Imobiliário! Receba conteúdos gratuitamente.

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.